O que é desenvolvimento sustentável?

Este é um termo muito utilizado na atualidade, o que faz jus a sua importância.Este tipo de avanço é o que atende às necessidades do presente, sem comprometer a capacidade das gerações futuras de atender às suas próprias necessidades, ou seja respeitando as necessidades do ecossistema.Este conceito pode ser interpretado de muitas maneiras, mas em sua essência é uma abordagem ao avanço que procura equilibrar necessidades diferentes, e muitas vezes concorrentes, com a consciência das limitações ambientais, sociais e econômicas que enfrentamos como sociedade.Com demasiada frequência, o desenvolvimento é impulsionado por uma necessidade específica, sem considerar totalmente os impactos mais amplos ou futuros.Já estamos vendo os danos que esse tipo de abordagem pode causar, desde crises financeiras em grande escala causadas por bancos irresponsáveis, até mudanças no clima global resultantes de nossa dependência de fontes de energia baseadas em combustíveis fósseis, e principalmente uma qualidade de vida prejudicada pelas relações humanas abusivas.Quanto mais tempo perseguirmos o avanço insustentável, mais frequentes e graves serão suas consequências, e é por isso que precisamos agir agora.Viver dentro dos nossos limites ambientais é um dos princípios centrais do desenvolvimento sustentável.Uma das implicações de não o fazer é a mudança climática. Mas o foco deste tipo de avanço é muito mais amplo do que apenas o meio ambiente.Trata-se também de garantir uma sociedade forte, saudável e justa. Isso significa atender às diversas necessidades de todas as pessoas nas comunidades existentes e futuras, promovendo o bem-estar pessoal, a coesão e a inclusão social e criando oportunidades iguais.

Casa sustentável

Construir casas mais sustentáveis ​​significa contribuir para a melhoria do meio ambiente. Mas isso não é tudo.O design de casas ecológicas pode reduzir o custo de operação das casa, economizando energia, água e manutenção em sistemas e aparelhos.Da orientação aos materiais de construção e energia solar, há muito a considerar quando se trata de construir uma casa sustentável pois esta deve ser projetada de forma a respeitar os recursos naturais, otimizando o uso de energia e água, incluindo sistemas de qualidade que garantem durabilidade e utiliza materiais de baixo impacto e alto desempenho que são eficientes em termos de fabricação, envio e instalação.

Energia sustentável

A energia sustentável é derivada de recursos que podem manter as operações atuais sem comprometer as necessidades energéticas ou o clima das gerações futuras, ou seja, energia que não trás danos ao meio-ambiente.As fontes mais populares de energia sustentável, incluindo eólica, solar e hidrelétrica, também são renováveis.O biocombustível é uma forma única de energia renovável, pois seu consumo, da forma com que é feito atualmente, emite gases de efeito estufa que afetam o clima e o cultivo do produto vegetal original consome outros recursos ambientais.No entanto, o biocombustível continua a ser uma parte importante da revolução verde.O principal desafio com o biocombustível é encontrar maneiras de maximizar a produção de energia e, ao mesmo tempo, minimizar o impacto do fornecimento de biomassa e da queima do combustível.

Cidade sustentável

Uma cidade sustentável é aquela projetada para abordar o impacto social, ambiental e econômico por meio do planejamento urbano e da gestão da cidade.Muitas destas iniciativas são alcançadas por meio da construção de alternativas ecologicamente corretas na infraestrutura da cidade, como a adoção de ciclovias e caminhadas.Regulamentos e multas também podem causar mudanças: as ordens de remoção de resíduos comprovadamente reduzem os resíduos de aterros sanitários.Embora encontrar maneiras de ajudar o planeta seja essencial para a sustentabilidade, reduzir custos e criar uma cultura vibrante para os cidadãos são igualmente importantes.Por meio de infraestrutura planejada, espaços verdes públicos, remoção inteligente de resíduos e muito mais, as cidades podem deixar para trás uma pegada líquida zero para um mundo mais saudável.

Arquitetura sustentável e construção sustentável

Ao aplicar o conceito complexo de sustentabilidade à arquitetura, apresenta-se o desafio de criar ambientes de vida saudáveis, visando minimizar impactos ambientais negativos, consumo de energia e uso de recursos humanos.Este tipo de arquitetura se reflete nos materiais de um edifício, métodos de construção, uso de recursos e design em geral.O projeto também deve facilitar uma operação limpa e eficiente durante o ciclo de vida do edifício, incluindo sua disposição final.Embora tenha que ser funcional e esteticamente superior, o espaço deve ser construído com a mentalidade de alcançar eficiência energética e de recursos a longo prazo.Este nicho da arquitetura também é chamado de arquitetura verde ou arquitetura ambiental.

Desenvolvimento sustentável no Brasil

O Brasil segue as mesmas metas de desenvolvimento sustentável da ONU.Na prática, o país depende mais de fontes de energia renováveis ​​(incluindo biocombustíveis) do que qualquer outro grande consumidor de energia do mundo.As florestas do país também são pautas de discussão e precisam de proteção.O país tem organizado campanhas com a meta de diminuir o desmatamento em cerca de 80%. Entretanto, florestas importantes como a Amazônica e a Mata Atlântica, seguem sendo devastadas e exploradas para darem lugar a monoculturas que produzem alimentos de baixa qualidade, cheio de pesticidas; ou para virarem pasto para dar conta da demanda gerada pelo mercado de consumo de carne.Apesar do Brasil estar estreitamente engajado na pauta ambientalista, devido a quantidade de fontes naturais disponíveis em seu território, ainda precisa melhorar suas políticas públicas em relação a preservação de suas riquezas naturais.O país tem investido principalmente no desenvolvimento econômico, que na maioria das vezes, está em desacordo com a proteção ambiental, em grande parte por consequência da enorme expansão do setor agrícola.Apesar disso, o país continental possui um dos portfólios de eletricidade mais limpos do mundo. Em 2018, cerca de 65% de seu fornecimento de eletricidade veio de grandes projetos hidrelétricos e mais de 15% veio de energia eólica, solar e biomassa.Enquanto isso, leilões de projetos eólicos e solares geraram licitações para produzir energia renovável a alguns dos preços mais baixos do mundo e atraíram US$ 6 bilhões em investimentos em 2017.O desenvolvimento hidrelétrico em grande escala alcançou um ponto de retornos decrescentes.Apesar de ser considerada uma fonte de energia renovável por ser gerada pela água, causa grandes impactos pois exige construções monumentais que alteram ecossistemas inteiros podendo gerar danos ambientais irreversíveis, além de acidentes catastróficos já ocorridos no país inúmeras vezes. Ainda há progresso a ser feito em outras fontes renováveis. Por enquanto, a energia eólica é responsável por quase 8% do fornecimento de eletricidade.A energia solar representa apenas 0,5%, mas está crescendo a um ritmo impressionante.

Tecnologia sustentável

Tecnologia sustentável é um termo abrangente que descreve a inovação que considera os recursos naturais e promove o desenvolvimento econômico e social.O objetivo dessas tecnologias é reduzir drasticamente os riscos ambientais e ecológicos e criar um produto amigável ao ambiente.A sustentabilidade em tecnologia pode ser aplicada de algumas maneiras, como por exemplo por meio da substituição, que nada mais é do que a mudança gradativa de materiais não biodegradáveis ​​para biodegradáveis.Também substitui recursos não renováveis ​​por renováveis.Além disso abrange a prevenção, ou seja, evita a deterioração, contaminação e outros impactos ambientais negativos por meio de seu uso ou produção.Leva em conta a eficiência em termos de uso de energia e recursos.A sustentabilidade em tecnologia já chegou ao uso público e à inovação. Exemplos comuns de tecnologia e inovações sustentáveis ​​incluem:Transporte público e elétrico, tecnologia de luz LED, energia solar, tecnologias de captura e armazenamento de carbono, edifícios e métodos de construção autossuficientes, entre outros.

Economia sustentável

Uma economia sustentável é aquela que é resiliente e proporciona uma boa qualidade de vida para todos. Ela permanece dentro dos limites do planeta e ajuda a manter o aquecimento global bem abaixo do limite de 2°C.Garantir uma rápida transição para economias sustentáveis no mundo é um desafio que requer liderança ousada e forte compromisso com a ação.Mas, embora não possamos melhorar – ou mesmo manter – nosso bem-estar em um caminho de negócios, a mudança para economias sustentáveis oferece enormes oportunidades.

Vida sustentável

Vida sustentável é estilo de vida e filosofia. É um termo tão popular quanto incompreendido. É incentivado por renomados ativistas, ONGs e blogs de estilo de vida e usado em marketing e propagandas de camisetas de algodão a chuveiros com eficiência de água.Em geral, a este estilo de vida se resume a escolhas e comportamentos que se concentram em viver dentro das possibilidades de nossos meios para incentivar a saúde humana e ambiental.Praticar a sustentabilidade em nossa casa (como composição), comunidade e estilo de vida garantem que priorizemos o uso de recursos renováveis sem comprometer a capacidade das gerações futuras de atender às suas próprias necessidades.Mas este estilo de vida não é apenas sobre o indivíduo é também sobre vida em comunidade.

17 objetivos de desenvolvimento sustentável

A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, adotada por todos os Estados Membros das Nações Unidas em 2015, fornece um plano compartilhado para a paz e a prosperidade para as pessoas e o planeta, agora e no futuro.No seu cerne estão os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que são um apelo urgente à ação de todos os países em uma parceria global.Eles reconhecem que acabar com a pobreza e outras privações deve andar de mãos dadas com estratégias que melhorem a saúde e a educação, reduzam a desigualdade e estimulem o crescimento econômico – ao mesmo tempo em que combatem as mudanças climáticas e trabalham para preservar nossos oceanos e florestas.Estes 17 objetivos são: 1- Sem pobreza 2- Fome zero 3- Boa saúde e bem-estar 4- Educação de qualidade 5- Igualdade de gênero 6- Água limpa e saneamento 7- Energia acessível e limpa 8- Trabalho decente e crescimento econômico 9- Inovação e infraestrutura da indústria 10- Redução de desigualdades 11- Cidades e comunidades sustentáveis 12- Consumo e produção responsáveis 13- Ação climática 14- Vida debaixo d'água 15- A vida na terra 16- Paz, justiça e instituições fortes 17- Parcerias para os objetivosEstando o Brasil comprometido em alcançar estas metas ainda existe a necessidade de um melhor entendimento do que é desenvolvimento sustentável e como alcança-lo.
🏡 Criar Projeto
📣 Criar Publicação
📆 Criar Evento
🎁 Criar Produto

É grátis para criar e aproveitar os benefícios da rede Ekonavi.

🟢 Rodada de Regeneração 10 patrocinada por Regen Network

Boletim Informativo da Ekonavi

©2024 Ekonavi, Inc. - Termos e Conditions de Uso  0.11.18 - main